Tipologias Cloud Computing

   Olá pessoal, hoje venho com mais um post técnico onde vou falar um pouco mais sobre as diferentes tipologias de cloud computing. Se você ainda não faz ideia do que é isso, veja meu post anterior onde tento explicar melhor o que é essa tecnologia e como ela pode tomar grande parte de nossas vidas.

  Encontrei uma boa explicação em uma imagem onde é comparado o consumo de uma pizza com as diferentes tipologias da computação em nuvem, mas, antes da imagem vou comentar mais sobre cada tipologia.

 Traditional (on-premisses) – (Por vezes abreviado como “on-prem” ou declarado incorretamente como “on-premise”). Essa tipologia refere-se quando o software é instalado e executado em computadores nas instalações (no edifício) da pessoa ou organização que se beneficia do software ao invés de em uma instalação remota. No caso da pizza, significa que o cliente final é o responsável por todo o trabalho de comprar os ingredientes, preparar, montar, assar e consumir a pizza.

   Infrastructure as a Service – (Em português, Infraestrutura como Serviço). Essa tipologia se refere quando o cliente final utiliza uma percentagem de um servidor, geralmente com configuração que se adeque à sua necessidade. Comparando com a pizza, seria a mesma coisa quando você adquire uma pizza pré-assada, onde você não precisa comprar e montar os ingredientes, você precisa somente do necessário para executar o seu preparo e assim consumir.

 Platform as a Service – (Em português, Plataforma como Serviço). Essa tipologia consiste no serviço propriamente dito, de hospedagem e implementação de hardware e software, é usado para prover aplicações por meio da Internet. Oferece a possibilidade de substituir o paradigma de aplicações tradicional, no qual programas de computador são instalados na máquina do usuário e ficam assim muito mais restritos às configurações de hardware e software disponíveis nela, principalmente ao sistema operacional. Comparando com a pizza, seria quando você compra uma por telefone, ela já vem preparada e assada, bastando apenas ter mesa e refrigerante para consumi-la.

  Software as a Service – (Em português, Software como Serviço). No modelo SaaS o fornecedor do software se responsabiliza por toda a estrutura necessária para a disponibilização do sistema (servidores, conectividade, cuidados com segurança da informação e etc) o cliente final utiliza o software via internet, pagando um valor pelo serviço oferecido. Comparando com a pizza, seria o mesmo quando você vai até uma pizzaria e somente consome a pizza, sem se preocupar com todo o preparo, e locar para consumo dela.

Veja a imagem abaixo e entenda melhor:

pizza_as_a_service.jpg


  A CloudMed é uma empresa com todo poder do Cloud Computing. Acreditamos que nossos parceiros não devem se preocupar com a infraestrutura de seus sistemas mas sim utilizar todo esse tempo para focar na área em que atuam. Com a tecnologia crescendo exponencialmente, a tomada de decisão deve seguir nos mesmos passos, por isso, a facilidade e o acesso à informação são indispensáveis! Por que não utilizar todo esse poder da nuvem à nosso favor?

  Se quiser saber mais sobre uma das tipologias de Cloud Computing que a CloudMed aposta, veja o post do Eliézer Pimentel sobre os Benefícios do SaaS (Software como Serviço)

Obrigado e até a próxima!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s