Novo tratamento contra hepatite C pode ser oferecido pelo Ministério da Saúde

    Nesta quinta-feira (27) o Ministério da Saúde anunciou o novo tratamento para pessoas com diagnostico de hepatite C. Independentemente do estágio de comprometimento, pacientes terão acesso gradativo a medicamentos que apresentam 90% de cura da doença.
Segundo o ministro da Saúde, Ricardo Barros, a medida prevê o tratamento dos casos em estágio inicial da doença para que não haja a propagação do vírus, “É uma política nova, de erradicação da hepatite C no país”, disse.
A hepatite C é subdivida entre os níveis que vai de F0 a F4. Após essas etapas, a doença pode evoluir para cirrose, câncer de fígado e levar à necessidade de transplante. Para que evitar a evolução,  a pasta estima aplicar 12 milhões de testes em todo país.
A meta do ministério é zerar a fila de pacientes graves que aguardam o tratamento para a hepatite C. Atualmente, 2.800 pessoas esperam para ser tratadas. Até o momento, são medicados os pacientes em grau avançado da doença (F3 e F4).
Atualmente, o país tem 135 mil pessoas diagnosticadas com a doença e o ministro ressalta, “Queremos alcançar as 135 mil pessoas que estão contaminadas em qualquer nível de hepatite. Nesse ano, após os 12 milhões de testes de hepatite C, vamos procurar identificar mais pessoas que precisam do tratamento. Há muitas pessoas com hepatite que não sabem. A testagem é fundamental”.

Até o próximo! 🙂

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s