Telemedicina

Ser diagnosticado por médicos a distância, através de videoconferência, já é realidade para o Sistema Médico da Universidade de Maryland.

Um morador de 25 anos do Condado de Cecil, localizado em Maryland nos Estados Unidos, chegou ao Hospital da União com sintomas de gripe e dificuldade para respirar. Pouco tempo depois dois médicos escanearam seus sinais vitais e perceberam baixo nível de oxigênio, além de sangue saindo de seus pulmões. Os dois médicos estavam a cerca de 96 quilômetros do paciente, em frente a 8 monitores e diversos computadores na Universidade de Maryland.

Rapidamente foi acionado um helicóptero para levar o paciente para o Centro Médico da Universidade de Maryland, onde foi medicado com antibióticos contra infecção bacteriana e colocado em uma maquina de respiração artificial.

O sistema de Telemedicina permite que médicos usem videos de alta qualidade e criptografados para monitorar pacientes em tratamento intensivo e melhorar a qualidade de atendimentos durante a noite e em fins de semana.

Com o serviço é possível que pacientes e médicos de setores rurais consigam consultar com especialistas e com hospitais melhor equipados, podendo tornar os planos de saúde mais acessíveis e diminuir custos para pacientes.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s